Dicas de cultivo de Cactos e Suculentas

0
1417

Se você ainda não cultiva cactos e suculentas, vou te dar algumas razões para começar:

São plantas muito fáceis de cuidar; têm uma variedade incrível de cores, formas, texturas e espécies; Consomem pouca água.

Para ajudá-lo nessa caminhada, preparei um guia completo com tudo que você precisa saber para cuidar de cactos e suculentas com todo o carinho do mundo: o substrato perfeito, como regar, o melhor tipo de solo, iluminação adequada, o ambiente ideal e muitas dicas para inspirar seu coração!

A maioria dos cactos e suculentas precisa de sol pleno para viver, mas também há aqueles que preferem luz indireta ou apenas algumas horas de exposição ao sol. Uma dica certeira é conhecer suas suculentas e aprender tudo que puder sobre elas. Só assim você poderá oferecer o ambiente ideal, seja ele de sol ou luz indireta.

É importante saber que essas plantas são muito intolerantes a ambientes de sombra. É preciso separar um cantinho muito bem iluminado para elas – especialmente para os cactos e suculentas que vivem dentro de casa. Em ambientes internos, o ideal é que fiquem bem próximos de uma janela. Do lado, viu? Pode esquecer aqueles esconderijos como o banheiro, estantes da sala, prateleiras de cozinha e qualquer ambiente que não receba uma boa dose de luz natural, seja ela direta (luz solar) ou indireta. Luz é vida para suculentas, nunca se esqueça disso!

Segredinho – Como regar corretamente

O cuidado com as regas é o segredo para ter cactos e suculentas sempre bonitos e saudáveis. Essas plantas precisam de pouca água para viver e é neste ponto que muitos succulovers acabam se excedendo. Suas folhinhas fofas e carnudinhas armazenam água em seu interior, tornando-as resistentes à seca.

Em relação à rega, simplesmente não há regras – é o que sempre costumo dizer. Tudo vai depender do local onde você vive, do clima da região, da quantidade de luz diária que as suculentas estão recebendo, do tipo de solo, da temperatura local, da umidade do ar e até mesmo do tipo de vaso em que estão plantadas. E se não existem regras, o que fica é o aprendizado diário de viver e sentir como as suculentas se comportam. Dia após dia.

Mas existe um segredinho básico para acertar nas regas…

Antes de regar, verifique sempre se a terra está completamente seca. Pode colocar o dedinho para sentir de perto ou até enfiar um palito. Se o solo estiver seco, com a terra leve e solta, a água é bem-vinda. Se ainda houver umidade, espere um pouco mais para regar novamente. É simples assim.

Ah! Na rega de cactos e suculentas, evite que a água caia sobre as folhinhas, pois elas podem apodrecer. Só o substrato precisa de água, ok? Fora isso, a rega deve ser feita normalmente: regue bem e deixe a água escorrer.

DEIXE UMA RESPOSTA