OFICINAS DA ASSISTÊNCIA SOCIAL CONCORREM AO PRÊMIO PROGREDIR

0
84

As oficinas que despertam talentos dos mageenses estão agora concorrendo ao Prêmio Progredir, do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS). A iniciativa que ensina novas atividades que geram renda são destinadas às famílias inscritas no Cadùnico, beneficiárias do Bolsa Família, e ministradas nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

Magé tem nove polos que oferecem oito oficinas aos beneficiários do programa federal Bolsa Família: cuidador de crianças e idosos, barbeiro, cabelos e penteados, estética e depilação, artesanato, fabricação de bolsas e sapatos, corte e costura e panificação.

“Fomos classificados com o projeto das oficinas e estamos entre os melhores classificados.

Só no ano passado foram quase 2 mil famílias atendidas nessas oficinas de tranferência de renda. Acredito que vamos conseguir bater a marca de 4,5 mil famílias nesses cursos que são a porta de saída. O que significa que elas vão gerar sua própria renda e sairão da dependência de programas sociais, como o Bolsa Família”, conta a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Ionete Machado dos Reis.

De acordo com o MDS, o Prêmio Progredir valoriza iniciativas municipais de inclusão no mercado de trabalho e de geração de renda para as pessoas inscritas no Cadastro Único e os beneficiários do Programa Bolsa Família. A ação vai premiar a melhor iniciativa de inclusão produtiva de cada região do país.

DEIXE UMA RESPOSTA